Colabore com reportagens exclusivas, sendo um Sócio-Patrocinador do site O MANGUE. Escolha sua opção de Assinatura On-Line, ou, se preferir, deposite qualquer valor em nome de Bruno de Almeida Silva, Agência 0183, Conta 121454-1, Caixa Econômica Federal. O Jornalismo Local e Independente agradece!

GOLPES DE MESTRES: SEIGOKAN EXAMINA AS FAIXAS, E DIPLOMA “OITAVO DAN”, EM MAGÉ

O dia 14 de dezembro foi especial para a Associação Cultural, Desportiva e de Artes Marciais (ACDAM) que realizou o exame de faixa de 50 atletas do grupo Seigokan de Karatê, do Dojo (área de atuação) Magé. O evento se deu no Colégio Estadual, local onde há oito anos o primeiro Faixa Preta do Brasil em sua linhagem, sansei Leo Carion, dá suas aulas abertas à comunidade:

IMG_0100
O mestre e seus discípulos: A faixa amarela simboliza a primavera; a marrom o outono, a branca o inverno; e a verde o verão. A faixa preta é a experiência de vida

— Todo ser-humano é importante se ele transmite ao seu próximo o que ele sabe. Não devemos guardar informação, devemos dar bons exemplos – fala Leo, que não consegue mais contar quantos atletas já formou desde 1980, quando foi o pioneiro em Magé a ensinar Karatê, simplesmente pelo gosto de ensinar.

IMG_0089
A quadra do Estadual já é um tatame por excelência, por testemunhar tantos anos de aulas do mestre Leo

Nessa que foi a segunda avaliação no ano, foi implementado um novo sistema de aplicação de técnicas, cuja intenção é estimular a capacidade de memorização tanto dos atletas quanto dos 16 examinadores: “na escola convencional quase não se trabalha isso mais. Não exercitando a memória, enfraquecem-se os neurônios e provoca-se o Alzheimer” – explica Leo, elencando ainda alguns dos muitos outros benefícios que o Karatê, esporte e estilo de vida, proporciona:

— Autodisciplina, aplicação da força, entendimento, lealdade, honestidade. Você tem sistema de massagem autocura, sistema de autodeterminação, você consegue manter o equilíbrio emocional a um ponto extremo de dificuldade.

IMG_0124
Atletas exibem suas técnicas antes de os exames começarem

Sansei Acaio recebe título de “Oitavo Dan”

O dia foi atípico também por contar com a presença de Alberto Carlos Paes d’Assumpção, o sansei Acaio. Mestre de Leo, chinês como ele (Leo é de Xangai e Acaio de Macau – foram colegas de classe na China), e responsável por trazer a escola Seigokan ao Brasil, ele mora hoje em Resende. Na ocasião recebeu o título de “Oitavo Dan” e nos brindou com sabedoria, trazendo um conselho específico aos novos graduados:

— Treinem muito. Se você não treina, vai ser um preguiçoso também na sua vida profissional. Se no Karatê você é companheiro, vai ter companheiros também na sua vida particular. As pessoas que param no meio do caminho dizendo que não tem tempo pra treinar, na verdade usam isso como subterfúgio. Quem tem força de vontade, arruma tempo. Tudo está em nossa mente. Karatê é isso; ele prepara seu corpo a não receber males. Não é brigar. Nem mesmo é autodefesa, isso é ilusão. Autodefesa é bala. Karatê é integridade, é coleguismo — ensina o mestre.

A ACDAM abraça os Dojos de Magé, Santo Aleixo, Guapimirim, Vale das Pedrinhas, Itaboraí e Papucaia. No Colégio Estadual o mestre Leo pode ser encontrado às segundas e quintas-feiras das 18h30 às 21h ministrando suas aulas, que custam apenas R$ 10 por mês por família (o valor é revertido em materiais para o próprio curso), e são gratuitas para quem não puder pagar.

IMG_0107
Acaio e Leo: o Karatê da China em Magé

DEIXE UMA RESPOSTA