Colabore com reportagens exclusivas, sendo um Sócio-Patrocinador do site O MANGUE. Escolha sua opção de Assinatura On-Line, ou, se preferir, deposite qualquer valor em nome de Bruno de Almeida Silva, Agência 0183, Conta 121454-1, Caixa Econômica Federal. O Jornalismo Local e Independente agradece!

Homem que atropelou e matou bebê pretendia fugir do país.

Antônio de Almeida Anaquim, administrador de 41 anos, no dia 18 de janeiro atropelou 19 pessoas e matou um bebê no calçadão da Avenida Atlântica, em Copacabana, cogitava fugir do Brasil. Para evitar que o mesmo acontecesse a Polícia Civil do Rio apreendeu o passaporte do atropelador.

Apesar da suspeita, a polícia não pedirá à Justiça a prisão do administrador de empresas. O inquérito está “muito avançado”, afirmou o delegado Gabriel Ferrando, da 12ª DP (Copacabana), sem adiantar quando deve concluir a investigação.

Anaquim alegou ter sofrido uma crise de epilepsia, que causou o acidente.  A bebê Maria Louize foi a única que morreu.

 

Link da matéria: https://www.gazetaonline.com.br/noticias/brasil/2018/01/atropelador-acusado-de-matar-bebe-pretendia-fugir-do-brasil-1014117156.html

DEIXE UMA RESPOSTA